Como fazer um post bem sucedido e melhorar o alcance de sua página no Facebook

Por Denys Beneplacito | CEO & Social Media Management (SSM) | e escritor na B 2 B Social Media

Como fazer um post bem sucedido e melhorar o alcance de sua página no Facebook

Há vários meses, é notícia o novo algoritmo que se aplica à seção de notícias do Facebook, já que este repercute diretamente no alcance das páginas ao público orgânico. O “curtir” deixou de ser a grande preocupação e agora a nova dor de cabeça é: assegurar que a página e seu conteúdo sejam vistos entre as 1.500 potenciais publicações que um usuário pode chegar a estar exposto por dia. Então, se não aparece na seção de notícias de seu público, nem falamos de “curtidas”, engajamento, compartilhamentos, etc, etc, etc.

Não precisa se preocupar, mas deve ocupar-se, porque…

 96% dos fãs não voltam a visitar a página de uma marca depois da interação inicial (se é que uma vez a visitou).

96-PERCENT

40% do total do tempo que um usuário passa no Facebook, o faz na seção de notícias (sem incluir a navegação através de dispositivos móveis)
40-PERCENT-NEWSFEED

Em média, apenas 16% dos seus fãs têm a possibilidade de visualizar seus posts.

16-PERCENT-SEE-POSTS

Mas “ocupar-se” não quer dizer ficar louco tratando de resolver a equação para ganhar da máquina, já que se nos deixamos levar pelo algoritmo, nos descuidamos do que está ao nosso alcance:a fórmula PRÓPRIA. Esta deve estar baseada na realidade imediata de seu público e comportamento de seus fãs. De qualquer maneira, há orientações básicas do que funciona e não funciona no Facebook, que você deve experimentar e adaptar para desenvolver seu próprio algoritmo.

A seguir, veja 6 dicas que favorecerão o peso e o ranking de seus posts e páginas:

0- Componentes do algoritmo (edgerank) do Facebook.

Antes de enumerar o que funciona, é preciso saber COMO funciona o algoritmo do Facebook.
Fizemos um resumo muito breve pelas bases que configuram o edgerank, para que depois possa compreender o porque de cada ação sugerida.

 O que é edgerank? : é o algoritmo usado pelo Facebook para determinar onde e quais posts aparecerão na seção de notícias de casa usuário.
EDGE-RANK

O edgerank é composto por três variáveis:
AFFINITY (AFINIDADE):

Esta variável se configura em base no tipo de relação que tem um usuário com uma marca (não vice-versa), e mede sua intensidade. Quanto mais interação tenha uma pessoa com uma marca em particular, o algoritimo priorizará as histórias desta página e não mostrará muitos posts de páginas que nunca ou poucas vezes interagiu (curtidas, comentários, cliques, compartilhamentos). – O Facebook incorporou uma modificação chamada “Last Actor“, com a qual consegue rastrear as últimas 50 interações e priorizar o conteúdo desta lista.
AFFINITY-PERSONAL-INTERACTION

 WEIGHT (PESO):

É o sistema de valorização que permite incrementar ou diminuir o valor de certas ações dentro do Facebook. Os comentários implicam certo envolvimento com o post, pelo qual um comentário tem mais valor do que um “curtir”. Mesmo assim, há diferentes tipos de post que por si só somam “peso”, embora depois, segundo a qualidade da interação do usuário com esta história, possa ver sua valorização modificada.

Então: quanto maior é o “peso” do post, maior será sua pontuação e mais alto estará no ranking, o que gera maiores chances de ser mostrado na seção de notícias.

WIGHT

TIME DECAY (IDADE):

Mede a idade do post e de acordo com ela, sua valorização. Isto implica que constantemente será necessário postar novamente e manter a seção de notícias alimentada com novas histórias de sua marca ou empresa, para assegurar maior visibilidade. Lembre-se que pode usar ferramentas como Story Bumping“, que recolhe aqueles posts mais antigos que não foram vistos e que apareceram no feed de notícias do usuário, mas não “rolaram” o mouse o suficiente para ver toda a lista de posts.

TIME-DECAY

Então… Qual critério o Facebook usa para rankear?
O algoritmo responde às ações e preferências do usuário com um post ou página:

CRITERIA-EDGERANK

  • A frequência com que o usuário tem interagido com X amigo, X marca, X figura pública.
  •  Quantidade de curtidas, compartilhamentos e comentários que um post recebe em geral e em especial dos amigos e fãs. Ou seja, se meus amigos tem constantemente muita interação com uma página em particular, é provável que esta apareça dentro de minhas sugestões.
  • Quanto um usuário interage com um tipo de post em particular: Lhe dá mais curtidas, compartilhamentos ou deixa comentários em fotos, vídeos, links, textos ou notícias? De acordo com isso, serão mostrados certos tipos de post por cima de outros.
  •  Uma página pode ter menos chances de ser mostrada a novos usuários, se os posts forem ocultados ou denunciados pelo público em geral.

Agora sim, vamos começar!

 O QUE FAZER PARA AUMENTAR A PROBABILIDADE DE APARECER NA SEÇÃO DE NOTÍCIAS DO FACEBOOK?

 Os posts que têm mais êxito são:

1- VISUAIS:

Os álbuns de fotos obtêm 180% mais participação. Estes geram maior quantidade de cliques, já que as pessoas em geral querem ver todo o álbum.

PHOTO-ALBUM

Fotos e vídeos obtêm cerca de 120% e 100% mais participação.

DOG-CARLI-DAVIDSON

2- CONCISOS

As publicações de 100 a 250 caracteres conseguem uma média de 60% mais interação: “Curtir”, comentários e vezes que compartilham.

                    SER-CONCISO-300x116

3- PEDEM PARTICIPAÇÃO DE SEUS FÃS:

Realizar perguntas simples ou pedir que completem uma frase, gera 90% mais participação.

WALLMART

4- OS QUE GERAM INTERAÇÃO E IDENTIFICAÇÃO:

Como bem havíamos dito em um post anterior, é lógico postar coisas sobre seus produtos ou marca, mas é necessário “mimar” seus clientes com informações que sejam úteis para eles, que chame a atenção e que seja valioso para o seu dia a dia. Também, o que você diga ou compartilhe tem que gerar identificação, para que se sintam como “em casa” quando estão dentro de sua página. Tudo isso é relevante.

5- QUE NÃO TENHAM UM LINK ENCURTADO

Isto é de “crer ou reinventar”, mas as estatísticas parecem não nos deixar mais opções além de crer que é certo. Um estudo muito completo (como sempre) realizado pela equipe de BuddyMedia, indica que:

FULL-URL

Quer dizer que as pessoas confiam mais em um link que que diz para onde será redirecionado, do que um link que foi encurtado, já que perde esses dados. Isto implica na diminuição da possibilidade de levar mais tráfego a um blog ou web site. De qualquer forma, proponho que vocês mesmos tirem suas próprias conclusões.
Fizemos uma entrevista com o administrador de uma página do Chile que tem muito êxito (3M curtidas) e ele mesmo comprovou esse dado. Em outras de suas páginas, utilizou ferramentas para encurtar URLs e notou uma grande diferença no alcance destes posts, e consequentemente da página. Insistimos, isto é: “Crer ou cair”.
Vale a pena esclarecer que José (o administrador) seguiu cada um dos passos anteriormente enumerados e desenvolveu sua própria fórmula que funciona com perfeição. Nós da Postcron, seguimos de perto seu crescimento e com muita razão o celebramos, porque o êxito de um usuário de nosso app, também é nosso êxito.

6- OS QUE FORAM PUBLICADOS EM HORÁRIO CORRETO:

No artigo anterior, fizemos uma revisão pelos melhores horários sugeridos para postar, já que foram esses períodos que registraram maior participação. Voltamos a citar a BuddyMedia que comprova que a intuição e sentido comum dão resultados na hora de decidir a que horas deve postar. De qualquer maneira, você deve fazer seu próprio experimento, analisar os insights do Facebook e com base nele, continuar com a tendência que seus fãs lhe propõe.

Marcas que publicam seus posts fora do “business hour”obtém 20% mais participação.

RIGHT-TIME

Para finalizar, eu gostaria de deixar uma reflexão de Jon Loomer, que sempre se expressa com muita “delicadeza”:

jon-loomer-bottom-line

O que isto quer dizer basicamente? Concentre-se em seus fãs, pois eles têm a fórmula, e se você está olhando sempre para trás, para ver o que acontece com o algoritmo, perderá de ver o que acontece em frente dos seus olhos (Muito piegas, mas é verdade).

RESUMO DE CONCEITOS:

1- Os elementos que ainda se mantém vigente no algoritmo do Facebook são: Afinidade, Peso e idade.
2- O critério para rankear um post e página vai depender de: a) a relação do usuário com a página e seus posts. b)a relação da comunidade em geral com uma página e seus posts.
3- Quais tipos de posts tem mais probabilidade de conseguir uma melhor posição no ranking e aparecer no feed de notícias?

Aqueles que são visualmente atraentes, concisos, que convidam seus fãs a participar; que são relevantes, que não incluam um link encurtado e que obviamente sejam publicados no horário em que seus fãs estejam conectados.
4- É preciso ficar louco? Não. É preciso experimentar e observar as respostas de seus fãs. Crie, publique e promova diferentes tipos de posts e logo deixe que seus fãs te ensinem seu algoritmo.

 

B 2 B Social Media® – Vinhedo | Valinhos | Campinas | (19) 99894.9388 Whatsapp ou (19) 3876.5218 | www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: