Como definir um budget de Marketing Digital para começar?

take-a-closer-look

Como definir budget de Marketing

Digital para uma Start-Up

Como-definir-budget-de-Digital-Marketing-para-uma-Start-Up.png

 

O desafio ao se criar uma Start-Up é claro desde o início. Ele começa quando temos uma ideia que queremos por em prática e aumenta à medida que percebemos o quão boa é essa ideia. Quando a ideia é boa o suficiente para que peçamos demissão do nosso trabalho para viver dela, o grau de dificuldade vai até o espaço. O homem, entretanto, já chegou à Lua, então nada é impossível. Obviamente a ideia principal, o Core Business da sua Startup, é o mais importante, pois precisa ter qualidade e utilidade para que as pessoas o comprem de você. Uma vez resolvido esse problema maior, há outros que não são menos desafiantes, entre eles o trabalho de marketing que você precisa para avisar o mundo que a vida pode ser melhor com o seu produto.

Muitas startups não têm um departamento de marketing; por vezes são tocadas apenas pelo fundador e seus sócios. A questão da divulgação, entretanto, precisa ser tratada desde o início do projeto, e um Budget adequado precisa ser estipulado para que o produto floresça no mercado. A falta de conhecimento e experiência em marketing, e especialmente em marketing digital, que é mais acessível para Startups, pode ser um grande empecilho ao estipular um Budget adequado e definir as melhores estratégias para o seu negócio.

Uma das portas de entrada para o Marketing Digital são justamente as Redes Sociais, que não impõem barreiras às empresas que querem anunciar e têm custos relativamente menores, se comparados à outras formas de divulgação do produto ou serviço oferecido. Esse pode, portanto, ser um bom primeiro passo, mas é necessário avaliar a necessidade de investir em outros canais de comunicação também.

O fato de a vida com a internet está infinitamente mais fácil não quer dizer que você precise se esforçar menos, pois o que está disponível para você também está para os seus concorrentes, que têm mais experiência e conhecimento de mercado do que um novato no segmento. Conhecer seu público e conversar com ele é a melhor forma de estabelecer um relacionamento saudável com clientes e prospects. A imagem abaixo te ajuda a definir as melhores estratégias de Marketing Digital. Você escolhe as estratégias que melhor se encaixam no seu momento e as testa, modificando a estratégia de acordo com o necessário.

Como-definir-budget-de-Digital-Marketing-para-uma-Start-Up (1).png

Na B 2 B Social Media® aplicamos técnicas avançadas de Lean Start-Up para as implementações de estratégias de Marketing Digital. Isto significa que análise de mercado e avaliação do desempenho são necessários, mas não suficientes para o desenvolvimento de uma estratégia. O diferencial será desenvolvido através de testes de novas idéias (Leap of Faith) e estratégia de Pivot, quando necessário. O teste contínuo nos permite sair de áreas de alta competição (“red ocean“) para chegar às áreas de novas oportunidades “Blue Ocean“.

Para ficar um pouco mais claro como se deve estipular um orçamento para Marketing Digital e testar as estratégias escolhidas, vamos separar as etapas do processo:

Primeira Fase: Metas de Alto Nível

Responda à pergunta: qual é o meu objetivo geral de curto prazo? e de longo prazo?

Você precisa estipular as metas gerais do seu empreendimento. Estas não têm de ser particularmente precisas; documentar os seus objetivos de uma forma simples e concisa fornece um trampolim a partir do qual você pode definir a sua estratégia em detalhes mais profundos. É fácil perder-se em métricas granulares, mas sempre garanta que você não vai perder de vista o quadro maior; uma visão geral é muitas vezes o que você precisa para se manter motivado e ambicioso.

Nesta etapa não vamos considerar os custos administrativos e os custos indiretos do seu negócio. Vamos considerar apenas o retorno sobre o investimento com base nos custos de produção, o que significa que vamos considerar apenas os custos externos reais para gerar o valor do Budget de Marketing. Se você chegar ao seu objetivo antes do tempo estipulado, você pode estruturar o seu modelo de marketing com base no feedback recebido e passar para a fase 2.

Segunda Fase: Objetivos Detalhados

Responda à pergunta: “Como vou medir os meus resultados?” – Objetivos SMART (Specific, Measurable, Achievable, Realistic, Time-Bond)

Você já definiu suas metas de alto nível. Talvez você deseje gerar Leads, ou talvez sua intenção seja fechar mais vendas. Mas quantos Leads quer gerar? E em que percentagem você gostaria de aumentá-los? Se você quiser aumentar a notoriedade da marca, como você vai fazer para medi-la? Depois de saber exatamente o que você almeja, você pode identificar exatamente como você pode alcançar seus objetivos e apoiar a sua
estratégia com ações que realmente ressoam com clientes potenciais.

Independentemente de como as coisas estarão indo, é muito importante que você defina um KPI para o final da primeira fase e chegue até lá sem alterar a estratégia, caso contrário você vai começar a girar e mudar o modelo a cada dia, e isso só vai criar confusão.

Para ficar ainda mais claro, vamos ver como você poderia usar o orçamento para Marketing Digital, lembrando que estratégia de curto prazo deve ser baseada em ações pró-ativas e pagamento por envolvimento/clique:

  • Linkedin, Facebook ou outras Redes Sociais: Otimizar página de perfil, criar página de empresa, criar, divulgar e promover conteúdo, interação nas páginas e grupos (isso é algo que vocês têm que fazer, por isso é para ser estimado em horas e, como não estamos considerando bens vendidos, terão um “valor zero” neste momento)
  • AdWords: Criar exibição de Campanha em sites relevantes para o segmento.
  • Página de destino: Criar uma página de destino para a campanha de exibição, o que daria mais detalhes sobre o serviço ao usuário e promoveria o call to action para atrair o público alvo.
  • E-mail marketing: Investir em uma plataforma de e-mail
  • Vídeo animação: você pode fazer uma animação curta de vídeo que poderá ser compartilhada em Redes Sociais e promovida no AdWords.

Estas são apenas algumas sugestões, que podem ser exploradas de acordo com o Budget estimado. Neste momento é necessário entender se você quer fazer tudo em casa e lidar com as demandas e resultados sozinho ou se você precisa do apoio de uma consultoria para a otimização de páginas de destino, orientação na criação de página sociais, gestão de campanhas Pay-per-Click, etc.

Tente pequenos investimentos nas plataformas:  Há diferentes oportunidades sociais nas quais você pode investir. Logo no início, adquirir clientes será sua principal prioridade e o seu impulso inicial pode estar consumindo entre 20-25% do seu tempo em marketing (10 horas, se você trabalhar 50 horas em uma semana). É uma boa ideia testar técnicas diferentes para ver o que funciona antes de estruturar o seu orçamento. Por exemplo, se você quiser usar o Google AdWords, você pode quebrar o seu orçamento em alguns pequenos testes, analisar os resultados e, em seguida, usar esse orçamento para os meses seguintes.

De modo geral, se você tem um orçamento de entre $ 1.000 – $ 5.000 por mês você pode trabalhar  uma estratégia mais abrangente. Depois de ter um logotipo e marca das quais você se orgulha, uma presença forte na web é o próximo passo essencial. Isso começa com o que normalmente é a primeira impressão que seus clientes têm da sua empresa. O projeto deve ser User-friendly e ágil, para quem olha de grandes  telas de computadores, Smartphones e outros dispositivos. Lembre-se que um bom site permite converter visitantes em Leads, possibilitando que as pessoas forneçam suas informações através de formulários.

Para entender mais sobre como traçar suas estratégias de marketing digital da melhor forma para o seu negócio, entre em contato com a B 2 B Social Media®, consultoria que ajuda empresas como a sua a crescerem no mercado digital!

*Gerenciamento de Mídias – Solicite seu orçamento: (19) 99894.9388 whats | http://www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

Como fazer um plano de marketing digital para sua empresa neste final de ano!

natal-verao.jpg

A temporada de compras de fim de ano é uma fonte de receita essencial para empresas como a sua, por isso, reunimos algumas dicas para ajudá-lo a planejar as campanhas de anúncios de fim de ano com êxito. Você aprenderá sobre:

  • Importantes tendências das compras de fim de ano de 2016,por exemplo, como os compradores consultam o Facebook e Instagram para conseguir ideias de presentes
  • As quatro fases das campanhas de anúncios de fim de ano,para que você possa aproveitar ao máximo o orçamento de anúncio, mostrando os anúncios certos nos momentos certos
  • Sua lista de tarefas pendentes para obter sucesso durante o fim de ano, que ajudará você a se preparar para a primeira fase de suas campanhas de fim de ano

Pronto para começar com o planejamento de fim de ano?

Guia para planejamento das festas de fim de ano

As compras durante as festas de fim de ano podem representar até 20% das vendas anuais para alguns varejistas1, portanto, planejar e preparar-se com antecedência é fundamental para maximizar o sucesso durante o período das festas de fim de ano. Saiba como se preparar para o sucesso.

Crie um anúncio

Tendências de compras globais para as festas de fim de ano de 2016

Cada vez mais as pessoas estão utilizando recursos digitais, especialmente dispositivos móveis, para se conectar e fazer compras durante o período das festas de fim de ano. Esta é uma visão geral dos hábitos e comportamentos em 17 mercados, com base nos nossos dados de 2015 do Facebook e do Instagram e em um estudo encomendado à Ipsos.
Previous Slide
Next Slide
  • Gerar reconhecimento da marca com campanhas para as festas de fim de ano

    As compras de presentes começam cedo

    Tendência: 40% dos consumidores afirmaram que iniciaram as compras para as festas de fim de ano de 2015 no final de outubro2.
    Ação: planeje já uma campanha de reconhecimento da marca para ajudar a fazer com que as pessoas se lembrem das suas ofertas quando começarem a pensar nas compras para as festas de fim de ano.
    Os compradores usam o Facebook e o Instagram para obter ideias de presentes

    Os compradores usam o Facebook e o Instagram para obter ideias de presentes

    Tendência: os compradores móveis e os membros da geração Y estão mais propensos a usar o Facebook e o Instagram para pesquisas e inspiração para a compra de presentes do que a média da população entrevistada3.
    Ação: o Facebook e o Instagram são fontes importantes de inspiração e pesquisa para a compra de presentes, por isso, veicule seus anúncios nas duas plataformas. Use o posicionamento móvel de anúncios para ajudar a alcançar compradores ocupados que procuram ideias para presentes perfeitos em trânsito.

As quatro fases das campanhas de anúncios para as festas de fim de ano

Embora o planejamento para o período das festas de fim de ano seja fundamental para o sucesso, é importante dividir sua estratégia de marketing em quatro fases para concentrar esforços e usar seus recursos de maneira eficaz. Pense na jornada do cliente como um funil. Comece gerando o reconhecimento da marca e encontrando novos clientes para levar mais pessoas ao funil de compras. Em seguida, mostre a elas anúncios específicos, exibindo seus produtos e serviços para encorajá-las a fazerem uma compra.

1. Gerar reconhecimento da marca

Fase 1: Gere o reconhecimento da marca para as campanhas de anúncios para as festas de fim de ano
Aproveite os meses menos promocionais para criar uma certa dinâmica antes das festas de fim de ano. Comece a gerar reconhecimento hoje mesmo, para que as pessoas lembrem do seu negócio quando começarem a fazer as compras para as festas de fim de ano. Por exemplo, se você tiver um novo produto incrível para lançar em breve, comece a gerar reconhecimento para o produto agora e promova-o posteriormente como o presente perfeito para as festas de fim de ano.
Como alcançar seus objetivos
  • Cronograma: comece agora
  • Direcionamento: Públicos Básicos
  • Principais ferramentas: veicular anúncios no Facebook e no Instagram; redirecionamento de vídeo
  • Formatos de anúncio: imagem, vídeo, apresentação multimídia, carrossel, canvas

2. Encontrar novos clientes

Fase 2: Encontre novos clientes com os Públicos Semelhantes do Facebook
Depois de gerar o reconhecimento, pense em formas de aumentar sua base de clientes. Gerar mais demanda para suas ofertas agora, permitirá que você tenha uma boa base de compradores para os meses seguintes. Por exemplo, um anúncio de lead permite que você colete endereços de email de clientes com interesse em receber boletins informativos sobre suas promoções de presentes para as festas de fim de ano.
Como alcançar seus objetivos

3. Gerar vendas

Fase 3: Gere vendas utilizando os Públicos Personalizados do Facebook
Em outubro, comece a gerar vendas alcançando clientes já familiarizados com a sua marca e que demonstraram interesse em seus produtos e serviços. Por exemplo, crie um Público Personalizado da sua lista de emails de boletins informativos e direcione seus anúncios para esse público com um anúncio em carrossel que mostre várias ofertas que você deseja promover como os presentes perfeitos para as festas de fim de ano.
Como alcançar seus objetivos

4. Fazer remarketing para os clientes mais valiosos

Fase 4: Faça remarketing para os clientes mais valiosos com o Público Personalizado
Em novembro, além do direcionamento para os seus segmentos de Público Básico, dê início ao remarketing para os seus clientes mais valiosos, para ajudar a obter vendas adicionais durante os meses com maior movimento de compras para festas de fim de ano. Por exemplo, crie um Público Personalizado dos visitantes do seu site; em seguida, faça o redirecionamento para esse público com anúncios exibindo produtos nos quais seus clientes possam estar interessados ou anúncios que gerem instalações do seu aplicativo móvel para estimular o envolvimento no aplicativo.
Como alcançar seus objetivos
  • Cronograma: novembro – dezembro
  • Direcionamento: Públicos Personalizados dos visitantes do seu site e de usuários do seu aplicativo móvel
  • Principais ferramentas: Públicos Personalizados do seu site, redirecionamento
  • Formatos de anúncio: carrossel, anúncios dinâmicos, imagem

Sua lista de verificação de preparação para as festas de fim de ano

Construa uma base sólida. Essas tarefas ajudarão a configurar uma experiência de usuário contínua para seus possíveis clientes e garantirão a você a base certa para um redirecionamento eficaz durante o período das festas de fim de ano.

Invista em dispositivos móveis

Crie uma experiência de compra móvel otimizada, desde o seu criativo de anúncio à sua experiência de finalização de compra.

Identifique os seus principais segmentos de público

Use as Informações do público para obter mais detalhes sobre os dados demográficos, localização, interesses, dados psicográficos e padrões de compra dos seus clientes atuais e em potencial.

Instale o pixel do Facebook e o SDK do Facebook

A implementação do pixel do Facebook e doSDK do Facebook permitirá a você medir e otimizar, bem como criar públicos para suas campanhas de anúncios.

Distribua o seu orçamento

Defina um orçamento para que suas campanhas estejam sempre ativas, fazendo também um planejamento para dias especiais de grande volume, como a Black Friday, e crie ofertas com incentivos a compras de fim de ano e prazos com envio grátis.

Comece a criar suas campanhas de reconhecimento da marca

Veicule anúncios de vídeo com o objetivo de reconhecimento da marca para ajudar a desenvolver sua marca. Crie um Público Personalizado com as pessoas que assistiram ao seu vídeo. Posteriormente, redirecione seus anúncios para esse público, exibindo suas ofertas para gerar compras.

Crie seu plano de medição

Determine quais métricas são importantes para você e decida quais metas você deseja alcançar. Além disso, use testes A/B para ajudá-lo a identificar quais criativos de anúncios têm melhores resultados.

*Gerenciamento de Mídias – Solicite seu orçamento: (19) 99894.9388 whats | http://www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

Facebook lança Workplace, versão da rede social para empresas

12916720_10102765146351341_6258689777647782850_o.jpg

 

O Facebook lançou a sua rede social exclusiva para empresas. A plataforma, anteriormente chamada de Facebook at Work, recebeu nome de Workplace. A novidade, anunciada na segunda-feira (10), traz uma interface bastante semelhante a do Facebook, mas não tem publicidade e funciona com a possibilidade de integração com sistemas de TI (Tecnologia da Informação) das empresas.

A ideia é que o Workplace traga a interação do Facebook para o ambiente de trabalho. A proposta é que, com ele, a comunicação entre os companheiros de trabalho seja aprimorada. Além disso, novos recursos como dashboards e métricas para análises internas das empresas.

Workplace traz layout e recursos semelhantes ao Facebook (Foto: Divulgação/Facebook)

A rede corporativa está em desenvolvimento a pelo menos dois anos. Os testes começaram em 2015 e de acordo com o Facebook atraiu mais de mil empresas do mundo inteiro, entre elas organizações sem fins lucrativos como a ONG Save the Children. A ideia é ser uma plataforma onde os colaboradores possam interagir com mais facilidade, tornando uma solução mais rápida do que o e-mail e um concorrente para o Slack e o Yammer, da Microsoft.

workplace-1-796x398-1

Recursos

O Workplace mantém as principais funções do Facebook, como a possibilidade de criar grupos, vídeos ao vivo e chats. Além disso, o esquema de feed de notícias também permanece na rede corporativa, assim como os trending topics. A nova rede também conta com tradução automática e a possibilidade de reações, tal qual o Facebook Reactions.

Um novo recurso interessante é o Multi-Company Groups, que oferece a possibilidade de criar grupos compartilhados entre corporações. Com ele, empresas diferentes que estiverem trabalhando em conjunto poderão ter um espaço online para que funcionários troquem ideias para agilizar as tarefas. O recurso vai estar disponível nas próximas semanas.

Workplace também está disponível para Android e iOS (Foto: Divulgação/Facebook)Workplace também está disponível para Android e iOS (Foto: Divulgação/Facebook)

Além da ausência de publicidade, o Workplace promete não colher os dados dos usuários. Ele também vai funcionar de forma totalmente independente do Facebook, onde o que for compartilhando em um não será mostrado em outro. Outras formas de distração como o Candy Crush, também são bloqueadas na nova rede social.

Valores

Em contrapartida o Workplace não é gratuito. A rede cobra das empresas que quiserem utilizar a plataforma. O preço varia de acordo com a quantidade de funcionários: US$ 3 (R$ 9,62 na cotação atual) por cada usuário para empresas com até mil colaboradores; US$ 2 (R$ 6,42) para empresas até 10 mil funcionários; e US$ 1 (R$ 3,21) para organizações com mais de 10 mil empregados. Vale destacar que a rede cobra apenas pelos usuários ativos.

O Workplace é multiplataforma, podendo ser utilizado tanto no smartphone (iOS e Android) quanto no computador. A rede oferece três meses gratuito de teste.

 

*Gerenciamento de Mídias – Solicite seu orçamento: (19) 99894.9388 whats | www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

Como criar conta de empresa no Instagram ou mudar para perfil business

capa-instagram-empresa-blog.png

O Instagram lançou “contas para negócios” e agora permite criar um perfil comercial. Com a novidade, empresas de qualquer tamanho podem ser reconhecidas com um perfil de negócios e obter insights sobre quais posts fazem mais sucesso entre seus seguidores, por exemplo. O novo recurso é simples e inicialmente funciona através de uma conexão da conta Instagram com a página da empresa no Facebook. Para usar a novidade, basta ter um perfil no Instagram e transformá-lo em um perfil comercial.

A opção de conversão para um perfil comercial está sendo implementada gradualmente e não são todos os usuários que possuem acesso ainda. Já está disponível oficialmente nos EUA, Nova Zelândia e Austrália, e estará disponível em todos os países ao longo dos próximos meses.

Até lá, é possível usá-la fazendo uma conexão via VPN (neste tutorial foi usado o Hotspot Shield VPN). Se tudo der certo, use o procedimento abaixo para transformar sua conta pessoal, em comercial.

Instagram Business (Foto: Reprodução/Instagram)Instagram Business (Foto: Reprodução/Instagram)

Passo 1. Abra o Instragram e acesse sua conta. Na tela inicial do app, toque na guia “Perfil”;

Acessando a guia que mostra o perfil do usuário no Instagram (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Acessando a guia que mostra o perfil do usuário no Instagram (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 2. Em “Perfil”, toque no ícone da engrenagem para acessar as opções da conta. Em seguida, toque no item “Mudar para o perfil comercial”;

Acessando as configurações e iniciando a mudança (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Acessando as configurações e iniciando a mudança (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 3. Será exibida a tela “Instagram para Empresas”. Nela, toque no botão “Entrar com o Facebook”, para integrar sua conta Instagram com a rede social. Na tela seguinte, confirme as permissões doFacebook tocando no botão “OK”;

Conectando a conta Instagram ao Facebook (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Conectando a conta Instagram ao Facebook (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 4. Na tela “Conecte sua Página do Facebook”, você verá todas as Páginas do Facebook das quais você é administrador no momento. Selecione a Página que você gostaria de associar ao seu Perfil comercial no Instagram e depois toque em “Avançar”.

Em “Configure seu perfil Comercial, informe ou remova as informações que devem ser exibidas. Finalmente, toque em “Concluir”;

Conectando a conta Instagram a uma página do Facebook (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Conectando a conta Instagram a uma página do Facebook (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 5. No final do processo, você receberá um mensagem informando que o processo foi bem sucedido.

Toque em “Continuar” para voltar a usar o Instagram.

Instagram confirmando a conversão da conta (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Instagram confirmando a conversão da conta (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Voltando para o Perfil pessoal

Se depois você não quiser mais usar um perfil comercial, acesse novamente as opções de sua conta e toque no item “Reverter para a conta pessoal”.

Na mensagem que aparece, confirme a mudança, tocando em “Mudar para a conta pessoal”.

Convertendo a conta de empresa em pessoal (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Convertendo a conta de empresa em pessoal (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Pronto! Agora que você já sabe como mudar seu perfil pessoal para comercial, é hora de explorar todos os recurso dessa novidade do Instagram.

 

Conheça mais os nossos serviços: (19) 99894.9388 ou Whatsapp |www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

 

#B2BSocialMedia® #Vinhedo #Valinhos #Itatiba #Campinas#RegiãoMetropolitana #Louveira #Jundiai #SaoPaulo #Litoral