Plataforma gratuita simplifica e potencializa métricas de campanhas digitais

hq720

O avassalador crescimento da penetração do mundo digital na vida das pessoas gerou uma nova perspectiva para a propaganda, incluindo a possibilidade de trabalhar com a imensidão de dados gerada através do comportamento dos usuários nos mais diversos canais. Se por um lado a mídia programática veio para ajudar a acertar um target agora muito mais fragmentado e multiplataforma, por outro, o trabalho das agências e anunciantes para estruturar toda essa informação e gerar insights ficou mais complexo. Este é o cenário que serviu de inspiração para o nascimento da Keep.i, que se posiciona como a primeira plataforma self-service de mídia integrada do Brasil.

Totalmente gratuita e juntando em um mesmo lugar os resultados e informações de performances individuais de canais como Facebook, Twitter, Linkedin, Instagram, Bing, Adwords e as principais DSP’s (Demand-Side Platforms), a solução já está disponível para agências de publicidade, empresas e empreendedores dos mais variados segmentos. O projeto foi desenvolvido pelos mesmos fundadores da Programind Media Intelligence, consultoria que desenvolve soluções tecnológicas para campanhas publicitárias.

A startup brasileira surgiu através da percepção de mercado de seus sócios, que entre as suas características e bagagens, trazem um perfil híbrido de tecnologia, business e mídia. “Através da nossa empresa de consultoria Programind, que é o guarda-chuva do Keep.i, vimos que era possível simplificar a visão dos resultados  de campanhas de forma integrada e em tempo real. Trabalhando para algumas agências, achávamos retrógrado ver o cliente investir muito dinheiro e receber uma planilha do Excel, passível de erros humanos, com dados e cruzamentos que geravam insights limitados”, afirma Roberto Cabrera, co-fundador da empresa, ao lado Anderson Garcia e Renato Rabelo.

Desde sempre, a ideia da plataforma era atacar um problema que parecia sintomático em mídia programática: se a compra de espaço ficou mais rápida e otimizada, o mercado também começou a depender de diferentes soluções para gerar métricas separadas para os mais diferentes canais, dificultando a visão estratégica mais holística das campanhas. “Através do dashboard da Keep.i, de maneira simplificada, é possível reunir em um mesmo lugar informações sobre conversões, custos, impressões, investimentos, cliques, CPC (custo por clique), CTR (Click Through Rate), origens dos acessos, dados geográficos e outros dados, tudo isso na mesma tela, na aba ‘Performance’”, explica Cabrera. A plataforma ainda conta com a aba “Engajamento”, que permite visualizar pessoas alcançadas, menções coletadas, público (masculino e feminino), sentimento e outros. Todos os dados podem ser impressos ou exportados para arquivos em Excel.

Preocupados em suprir todas as lacunas dos profissionais que trabalham com métricas e planejamento estratégico de mídia, antes de dar inicio ao projeto, os sócios foram aprimorando as possibilidades da ferramenta a cada feedback trazido das reuniões com agências e anunciantes. Desde o lançamento da plataforma, o Keep.i já liberou mais de 1,2 mil solicitação de uso. Na primeira semana do aplicativo, validado em fevereiro, os usuários criaram mais de 600 dashboards. “O melhor da ferramenta é permitir que os usuários consigam otimizar e focar os esforços de marketing em inteligência, criação, relacionamento e não em questões operacionais”

*Gerenciamento de Mídias – Solicite seu orçamento: (19) 99894.9388 whats | www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

#B2BSocialMedia #MarketingDigital #Facebook #Instagram #Email#Solucao #Lider #Mercado #Internet #Agencia #Consultoria #Digital#MarketingFusionDigitalGroup #Treinamento #Imobiliaria#MidiasSocial

“Conquiste uma audiência sua, converse com ela, compartilhe seus conteúdos para e entenda o que seu público fala da sua marca. ”

 

 

Social-media-news-coffee-man-office-PC-e1466066288447-1-658x380

 

 

Quando pensamos em comunicação, seja institucional ou pessoal, não temos como descartar os canais de Mídias Sociais: Facebook, Twitter, Instagram, LinkedIn, Youtube, Google+, SnapChat, Periscope, Pinterest, SlideShare, entre muitas outras que surgem a cada dia.

Só para termos uma dimensão, em 2016 tínhamos os seguintes dados desses 5 canais super relevantes:

  • Linkedin – 25 milhões de usuários – crescendo 25% sua base no 1º trimestre do ano de 2016.
  • Facebook – 99 milhões de usuários ativos mensais. Isso significa que 8 em cada 10 brasileiros que acessam a internet estão no Facebook.
  • Instagram – em meados de 2016  chegaram a um número de 35 milhões de usuários  no Brasil.
  • Snapchat e Twitter: Em 2016 o Snapchat passou o Twitter em  número de usuários – O Twitter conta, no mundo, com 300 milhões de contas ativas, sendo aproximadamente 136 milhões de pessoas acessando pelo menos 1 vez por mês essa plataforma (o Twitter fala que 1 pessoas muitas vezes tem mais de 1 conta). O “Snap” chegou em 2016 a 150 milhões de contas ativas.

Isso significa que não podemos mais excluir o fato de que os Canais de Mídias Sociais são importantíssimos para a marca conversar com seus clientes de forma mais efetiva.

 

Caso  você já esteja inserido nesse universo, reflita:

  1. Como é  seu discurso nesses canais?
  2. Quem são seus seguidores?
  3. São compatíveis com seus clientes?
  4. O que eles querem ouvir?
  5. O que eles estão te falando?
  6. Você está em um Monólogo?

Muitas empresas, apesar de terem anos de experiências se comunicando com seus clientes nos seus canais de mídias sociais, ainda têm dificuldade em engajar seu público, pois desenharam a mesma estratégia de Marketing Digital para todos os tipos de canais.

E isso acontece muito comumente, pois as marcas definem a mesma estratégia para todos os canais que elas se posicionam.

Uma coisa que devemos ter em mente: Muito embora nossos clientes/personas sejam os mesmos em vários canais de mídias sociais diferentes, em cada um desses canais a informação será consumida de forma diferente!

Ou seja, o seu CONTEÚDO DEVERÁ se ADAPTADO para cada um desses canais!

Isso mostra cada vez mais que a marcar, muitas vezes, NÃO PRECISAR ESTAR EM TODOS OS CANAIS.

Depois dessa reflexão vem a pergunta: E agora, o que eu faço com os meus canais?

Depois de criado um canal, é muito difícil abandonar o barco. Por isso, o planejamento em mídias sociais é essencial para criar diálogo, interação e RELACIONAMENTO.

Como já sabemos, ninguém constrói um relacionamento de um dia para outro, e no caso da sua marca não seria diferente.

Todos esse canais citados acima, podem sim gerar excelentes resultados para a sua marca, desde que você entenda a função de cada um deles e tenha um objetivo muito bem estabelecido para o seu negócio estar presente em cada uma dessas mídias.

Refletiu sobre o que acabamos de falar? Precisa de ajuda?

Nós analisaremos seu negócio, seu público, o que você precisa comunicar, para entender quais serão os canais ideais para construirmos de forma assertiva um relacionamento com o seu público.

Lembre-se: Relacionamento exige diálogo, atenção e não se constrói de um dia para noite.

Entre em contato conosco para saber como poderemos criar esse relacionamento com o seu público!

 

*Gerenciamento de Mídias – Solicite seu orçamento: (19) 99894.9388 whats | www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

#B2BSocialMedia #MarketingDigital #Facebook #Instagram #Email#Solucao #Lider #Mercado #Internet #Agencia #Consultoria #Digital#MarketingFusionDigitalGroup #Treinamento #Imobiliaria#MidiasSocial