O que é SEO?

https://b2bsm.com.br/

 

SEO (Search Engine Optimization),  também conhecido como otimização de sites, é rapidamente definido como uma forma de aumentar os acessos do seu site através de um conjunto de técnicas e estratégias que permitem que um site melhore seu posicionamento nos resultados orgânicos dos mecanismos de busca, como Google e Bing.

O que é SEO?

 

O próprio administrador ou desenvolvedor do site deve utilizar princípios de SEO em sua elaboração de forma a melhorar os aspectos de otimização interna que contribuem para o posicionamento da página.

 

Como o SEO pode ajudar seu site?

Ao iniciar uma campanha de otimização no seu site, você poderá perceber que a melhora no posicionamento para as palavras-chave do seu negócio é diretamente proporcional à quantidade de acessos que vai receber, além de gerar também maior visibilidade para a marca e um retorno em conversões no site.

Existem diversos tipos de objetivo em um site. Para um e-commerce, o principal é gerar vendas. Para um blog, é que seus visitantes leiam seus posts. Então esses objetivos, que também chamamos de conversão, podem ser muito variados, como vendas, cadastro, downloads ou até mesmo cliques em determinadas partes do site. Independente da sua área de atuação e de seus objetivos, a otimização de seu site permitirá que chegue a ele um público segmentado de acordo com suas expectativas.

 

Defina seu público-alvo

Por exemplo: se o seu negócio é vender livros usados, as palavras-chave utilizadas na otimização não podem ser livros, best-sellers, ou lançamentos – já que dessa forma atrairiam todo o público de livros. Você precisaria trabalhar as palavras “livros usados”, “sebos”, “livros de segunda mão”, entre outras. Dessa forma, restringiria o número de acessos ao site, mas iria atrair um acesso mais qualificado, gerando uma experiência positiva tanto para sua empresa quanto para os usuários que encontrariam o que realmente estavam procurando.

Basicamente, o que define se a sua página estará ou não entre os primeiros resultados de uma busca é a sua relevância para a palavra-chave buscada. Portanto, o SEO trabalha, antes de tudo, a relevância de seu site, seja para o usuário que o visita (otimização interna), seja para a comunidade digital em torno dele (otimização externa).

 

O algoritmo do Google

Como será então que o Google entende qual site é melhor? O trabalho é feito por cálculos complexos realizados através de seu algoritmo que considera uma infinidade de fatores. O que mudou com o passar dos anos foi a relevância desses fatores, como por exemplo o PageRank que antigamente era fator determinante e hoje não é mais, apesar de ainda ser muito importante.

O mercado digital teve um grande crescimento e com o Google não foi diferente, pois hoje o buscador tem como foco principal a experiência do usuário.

O ano de 2015 foi de mudanças para a empresa, como por exemplo em abril quando o buscador lançou uma atualização que tem permitido uma melhora nas buscas feitas por smartphones, que agora dão preferência a sites que se adaptam perfeitamente aos dispositivos, ou seja, os chamados sites responsivos.

Esse vídeo explica como funciona o fator PageRank:

 

SEO ou Links Patrocinados?

Os links patrocinados são uma forma mais fácil e rápida de aparecer no topo dos resultados do Google, mas pode ser infinitamente mais cara do que uma boa estratégia de SEO. Além disso, quando a campanha sai do ar, o seu site some da primeira página dos buscadores instantaneamente, o que contrasta com o caráter de continuidade que a prática de SEO possui.

A imagem abaixo é um heatmap, ou mapa de calor, que mostra a quantidade de cliques que são feitos dentro da página de resultados do Google. Podemos perceber claramente que a maior parte dos cliques vai para os resultados não pagos, que também são chamados de orgânicos.

O que é SEO?

Com links patrocinados, o número de visitas do seu site aumenta rapidamente, mas isso não ocorre com a probabilidade de conversão desse público. Isso porque em uma campanha de links patrocinados, um site que vende brinquedos pode muito bem aparecer em primeiro para a busca “diversão infantil”, se esta palavra estiver selecionada para um link patrocinado.

E se o usuário que busca não estiver com a intenção de comprar nada, apenas de conhecer algumas brincadeiras para animar uma festa de criança, ocorre o que chamamos de rejeição. O usuário entra no site e rapidamente verifica que ali não existe o que ele procura.

Já com a prática de técnicas de SEO, o site só aparecerá em primeiro para aquela palavra que ele for realmente relevante. As chances de um usuário não encontrar o que procura diminuem. Logo, aqui temos uma equação em que o número de visitas pode ser um pouco menor do que as geradas pelos links patrocinados, mas o percentual de conversões aumenta significativamente.

Portanto, o trabalho de SEO está relacionado à credibilidade e relevância de uma página ou um site.

 

Como começo a fazer SEO?

Para conhecer melhor as técnicas e estratégias adotadas na otimização de sites e entender como tudo isso pode influenciar nos posicionamentos dos resultados nos buscadores.

Caso precise de ajuda profissional para fazer com que seu site esteja no topo das buscas, visite nossa página de Consultoria em SEO. Nela, você entenderá de que forma nossa equipe de profissionais experientes e capacitados pode ajudar sua empresa. Solicite um orçamento e obtenha uma pré-avaliação do seu site.

 

*Gerenciamento de Mídias Sociais, WebSite, SEO & Google | Solicite seu orçamento: (19) 3849-2997 | (19) 99894.9388 wts | www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

Anúncios

4 razões para Criar um Site Institucional em WordPress

08_etiquette_coffee_shop_etiquette_need_change_suit_Todor-Tsvetkov.jpg

 

Se sua empresa está pensando em refazer seu site ou fazer um do zero?

Como escolher que plataforma usar?

Com certeza você já ouviu falar de Wix, bombando de publicidade especialmente no youtube.

Mas tem outras plataformas como WordPress, Joomla, Drupal.

Veja porque precisa criar um Site em WordPress

E se o seu site é um ecommerce, você pode pensar em plataformas já desenvolvidas para seu fim.

As mais conhecidas são woocommerce (integrada no wordpress), MagentoVtex (incluindo Loja IntegradaXtech, ambas desenvolvidas na base do Vtex).

Mas, caso o seu site seja puramente institucional, sem ser ecommerce, como escolher?

Já vimos em outro artigo que dependendo da maturidade da sua atividade o mais fácil é escolher entre Wix e WordPress.

Agora vamos ver especificamente 4 razões para investir em wordpress, considerando que sua empresa já tenha um nível de maturidade que vai além da situação de freelancer ou que você tenha algum conhecimento de programação.

Aqui vão 4 razões para considerar montar o site na plataforma WordPress.

1. Flexibilidade

WordPress foi concedido para Blogueiros.

No entanto, ao contrário do que se imagina, um site montado em WordPress não precisa necessariamente ter cara de Blog. O WordPress pode ser customizado até parecer-se com o que você quiser.

No começo, sem se perder muito tempo nas questões de design e estrutura, você pode comprar um tema pronto, já desenvolvido para seu segmento, e adaptá-lo à sua identidade, suas fotos, seu perfil.

WordPress é uma plataforma de código aberto, isso significa que ninguém é dono do código, assim você não fica preso com o programador que contratou para desenvolvê-lo. Coisa que acontece se seu site é feito em HTML puro.

O fato de ser em código aberto (open source),permite de ter um site modular. Isso significa que você pode começar com um site básico e ir incrementando funções e seções através de plug-inque são de fato a fortuna do wordpress e de quem programa em wordpress.

Só tenha um cuidado, um plugin nada mais é que um código amais no seu site, então sem um bom controle o seu site poderia ficar mais pesado e demorar a carregar. E este é um fator negativo para fim de SEO.

 

2. Baixo custo –

o WordPress já vem com um administrador de conteúdo embutido, um CMS (content management system).

Comprando um tema pronto e seguindo alguns tutoriais gratuitos no youtubue, não há necessidade de contratar-se um time de programação para montar-se um.

O único custo que você terá é o de customização do CSS (cascade style sheet), o que é aquela parte do site que codifica a estética (cores, tamanhos, fontes, etc).

Caso não tenha conhecimento de programação, existem agências ou consultores que podem montar um seu site em wordpress com custos que vão desde R$ 2,900 até R$ 10,000 dependendo da complexidade.

Minha sugestão é que se você não tem já uma boa quantidade de conteúdos a publicar, é melhor começar com um site simples em wordpress, comprando um tema pronto (desde 0 US$ até 50 US$), com 5 – 10 páginas.

Ai você poderá aumentar a quantidade de páginas e conteúdos conforme for sentindo a necessidade.

3. Fácil de atualizar

O administrador de conteúdo que já vem embutidopor trás de um site em WordPress é – justamente – o WordPress, uma ferramenta familiar a qualquer pessoa que possua um mínimo de conhecimentos web.

Importante destacar que o wordpress é a plataforma mais conhecida e popular no mundo.

Assim, caso precise de uma ajuda, não vai ser difícil encontrar alguém que tenha familiaridade com ele e que possa te ajudar nas atualizações que você precisa.

4. Otimização de Sites

O WordPress é uma ferramenta que foi construída já levando em consideração o mundo de SEO e e da otimização de sites.

Especificamente para isso, é bom instalar o pluginYoast que vai te orientar na otimização de todas as páginas e posts do seu Blog, usando como base as palavras chave pelas quais você quer otimizar seu site.

Muitos plugin são gratuitos, diria todos os plugin que você precisa na fase inicial, são gratuitos.

Entre eles os mais importantes:

  1. yoast para otimização – SEO
  2. contact Form 7 – para criar formulários de contato
  3. Slider Revolution ou Visual Composer – para personalização do visual do seu tema, mesmo após a entrega.

Claramente não pense que o uso perfeito do Yoast vai ser suficiente para ter um site otimizado.

Um projeto de otimização passa por várias fases e várias vertentes de complexidade, tanto on-page (ações de SEO no site), quanto off-page (tarefas de otimização fora do site).

Conclusão

Lógico que existem outras boas razões para um site ser construído em outras ferramentas, e que outras ferramentas possuem várias das vantagens acima também.

Mas o objetivo aqui foi salientar que o WordPress é uma das boas opções para a construção de um site, com baixo custo.

Quando tiver um negócio redondo que requeira um nível de complexidade maior, só então você poderá escolher de alterar para um sistema personalizado.

Você já tem experiência com wordpress? Compartilhe aqui nos comentários.

 

*Gerenciamento de Mídias Sociais, Site, SEO & Google | Solicite seu orçamento: (19) 3849-2997 | (19) 99894.9388 wts | www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

Faça nosso teste de otimização e descubra se o seu site esta Otimizado! SEO

10729028_654614074661416_2020546258_n

Posicione-se bem no #Google e seja destaque em pesquisas para aumentar o tráfego orgânico para o seu site com #SEO.


Você já reparou que quando um potencial cliente busca seu serviço no Google, Bing Yahoo, nem sempre seu site aparece?
Se os seus concorrentes aparecem na primeira página do Google e o seu site não, eles provavelmente estão investindo em SEO (Search Engine Optimization).

Pare um minuto e faça um teste:

a) Digite o tipo de serviço/produto que você vende no Google. Você aparece na primeira ou segunda página?
b) Digite o tipo de serviço/produto que você vende. Seus concorrentes aparecem na sua frente?

Se você respondeu sim para as primeira e segunda perguntas, entenda o que precisa ser feito para você aparecer nas primeiras páginas dos buscadores.

*Gerenciamento de Mídias – Solicite seu orçamento: (19) 99894.9388 whats | www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

#B2BSocialMedia #MarketingDigital #Facebook #Instagram #Email#Solucao #Lider #Mercado #Internet #Agencia #Consultoria #Digital

 

Desafios e Resultados no Inbound Marketing

equipeco.jpg

Indo no caminho oposto do marketing tradicional, a metodologia Inbound tem como objetivo oferecer aos clientes as soluções necessárias, no momento certo. Essa é uma das técnicas de marketing digital mais importante de serem passadas para os profissionais que vão ingressar no mercado.

Depois de décadas convivendo com modelo tradicional, é importante deixar claro que aquela proposta quase invasiva, já não desperta mais atenção dos consumidores. Hoje em dia, podemos encontrar qualquer resposta, a qualquer hora, nos buscadores online. É ali que as empresas precisam estar, com as respostas na ponta da língua, oferecendo o serviço ideal para os consumidores, que são cada vez mais informados.

O Inbound marketing não significa apenas o futuro do marketing, mas sim o futuro da sobrevivência de qualquer marca que esteja presente no mercado.

14947895_1242096002520131_6753125632184995954_n

Aprendizagem da metodologia Inbound

Focada no universo digital, não é de se espantar que existam várias maneiras de conhecer e saber mais sobre o Inbound Marketing. Há muito conteúdo disponível e muitas vezes oferecido sem custo. Todo este material, pode ser usado por você professor de Marketing Digital, para enriquecer o seu programa de ensino e mantê-lo ainda mais alinhado com as necessidades do mercado. É de grande valia para os seus alunos, estimulá-los ainda durante o processo de aprendizagem a obterem uma certificação em Marketing Digital. Um exemplo é a certificação em Inbound da Hubspot. Disponível no Hubspot Academy, seus alunos podem assistir as aulas preparatórias, que são totalmente gratuitas e quando estiverem preparados para realizar o teste que garante uma certificação com reconhecimento internacional. Dessa maneira, além de terminar a disciplina com mais conhecimento em técnicas de marketing digital, você os deixará ainda mais preparados para a realidade e necessidades do mercado de trabalho.

Porque ensinar o Inbound Marketing

Se a metodologia Inbound ainda não faz parte do programa do seu curso de Marketing Digital, a hora de repensar e mudar é agora. Você sabe que a forma de fazer Marketing mudou e que as empresas estão buscando novos caminhos, certo? Este caminho tem um nome: Inbound.

Veja algumas razões que vão te convencer a ensinar o Inbound dentro de sala de aula.

  • O Inbound Marketing é focado na solução de problemas. Ou seja, com a produção e divulgação de conteúdo, você conseguirá fazer com que uma empresa chegue até um cliente com o serviço certo, no momento certo.
  • Dados são a base do Inbound Marketing. Através de números, pessoas e comportamento é que o planejamento será feito, garantindo resultados muito mais consistentes.
  • Inbound Marketing é metodologia. Ou seja, ela pode ser replicada em diferentes empresas, de diferentes setores e tamanhos. Além disso, o mesmo processo pode e deve ser repetido dentro de uma organização, sempre que for necessário atingir novos objetivos.
  • A metodologia Inbound soluciona um problema antigo dentro das empresas, que é a rivalidade entre o setor de vendas e o marketing. Com este método, é fundamental, que os dois ambientes trabalhem em conjunto, para atingir os resultados desejados.

Ser um profissional que ensina Marketing Digital exige muito. Os desafios são constantes, as atualizações se fazem necessárias a todo mundo e você precisará sempre estudar. A parte interessante está exatamente nisso tudo. Na vontade de ensinar sempre o mais novo e capacitar os seus alunos da melhor forma.

Se você ainda não conhece a certificação Inbound da Hubspot, tenha a certeza que acabou de ganhar um grande aliado para atrair ainda mais interesse dos seus alunos. Descubra mais sobre as vídeo aulas e o teste para a certificação.

PARA ENTENDER MAIS SOBRE COMO TRAÇAR SUAS ESTRATÉGIAS DE MARKETING DIGITAL DA MELHOR FORMA PARA O SEU NEGÓCIO, ENTRE EM CONTATO COM A B 2 B SOCIAL MEDIA®, CONSULTORIA QUE AJUDA EMPRESAS COMO A SUA A CRESCEREM NO MERCADO DIGITAL!

 

*Gerenciamento de Mídias – Solicite seu orçamento: (19) 99894.9388 whats | http://www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

Como fazer um plano de marketing digital para sua empresa neste final de ano!

natal-verao.jpg

A temporada de compras de fim de ano é uma fonte de receita essencial para empresas como a sua, por isso, reunimos algumas dicas para ajudá-lo a planejar as campanhas de anúncios de fim de ano com êxito. Você aprenderá sobre:

  • Importantes tendências das compras de fim de ano de 2016,por exemplo, como os compradores consultam o Facebook e Instagram para conseguir ideias de presentes
  • As quatro fases das campanhas de anúncios de fim de ano,para que você possa aproveitar ao máximo o orçamento de anúncio, mostrando os anúncios certos nos momentos certos
  • Sua lista de tarefas pendentes para obter sucesso durante o fim de ano, que ajudará você a se preparar para a primeira fase de suas campanhas de fim de ano

Pronto para começar com o planejamento de fim de ano?

Guia para planejamento das festas de fim de ano

As compras durante as festas de fim de ano podem representar até 20% das vendas anuais para alguns varejistas1, portanto, planejar e preparar-se com antecedência é fundamental para maximizar o sucesso durante o período das festas de fim de ano. Saiba como se preparar para o sucesso.

Crie um anúncio

Tendências de compras globais para as festas de fim de ano de 2016

Cada vez mais as pessoas estão utilizando recursos digitais, especialmente dispositivos móveis, para se conectar e fazer compras durante o período das festas de fim de ano. Esta é uma visão geral dos hábitos e comportamentos em 17 mercados, com base nos nossos dados de 2015 do Facebook e do Instagram e em um estudo encomendado à Ipsos.
Previous Slide
Next Slide
  • Gerar reconhecimento da marca com campanhas para as festas de fim de ano

    As compras de presentes começam cedo

    Tendência: 40% dos consumidores afirmaram que iniciaram as compras para as festas de fim de ano de 2015 no final de outubro2.
    Ação: planeje já uma campanha de reconhecimento da marca para ajudar a fazer com que as pessoas se lembrem das suas ofertas quando começarem a pensar nas compras para as festas de fim de ano.
    Os compradores usam o Facebook e o Instagram para obter ideias de presentes

    Os compradores usam o Facebook e o Instagram para obter ideias de presentes

    Tendência: os compradores móveis e os membros da geração Y estão mais propensos a usar o Facebook e o Instagram para pesquisas e inspiração para a compra de presentes do que a média da população entrevistada3.
    Ação: o Facebook e o Instagram são fontes importantes de inspiração e pesquisa para a compra de presentes, por isso, veicule seus anúncios nas duas plataformas. Use o posicionamento móvel de anúncios para ajudar a alcançar compradores ocupados que procuram ideias para presentes perfeitos em trânsito.

As quatro fases das campanhas de anúncios para as festas de fim de ano

Embora o planejamento para o período das festas de fim de ano seja fundamental para o sucesso, é importante dividir sua estratégia de marketing em quatro fases para concentrar esforços e usar seus recursos de maneira eficaz. Pense na jornada do cliente como um funil. Comece gerando o reconhecimento da marca e encontrando novos clientes para levar mais pessoas ao funil de compras. Em seguida, mostre a elas anúncios específicos, exibindo seus produtos e serviços para encorajá-las a fazerem uma compra.

1. Gerar reconhecimento da marca

Fase 1: Gere o reconhecimento da marca para as campanhas de anúncios para as festas de fim de ano
Aproveite os meses menos promocionais para criar uma certa dinâmica antes das festas de fim de ano. Comece a gerar reconhecimento hoje mesmo, para que as pessoas lembrem do seu negócio quando começarem a fazer as compras para as festas de fim de ano. Por exemplo, se você tiver um novo produto incrível para lançar em breve, comece a gerar reconhecimento para o produto agora e promova-o posteriormente como o presente perfeito para as festas de fim de ano.
Como alcançar seus objetivos
  • Cronograma: comece agora
  • Direcionamento: Públicos Básicos
  • Principais ferramentas: veicular anúncios no Facebook e no Instagram; redirecionamento de vídeo
  • Formatos de anúncio: imagem, vídeo, apresentação multimídia, carrossel, canvas

2. Encontrar novos clientes

Fase 2: Encontre novos clientes com os Públicos Semelhantes do Facebook
Depois de gerar o reconhecimento, pense em formas de aumentar sua base de clientes. Gerar mais demanda para suas ofertas agora, permitirá que você tenha uma boa base de compradores para os meses seguintes. Por exemplo, um anúncio de lead permite que você colete endereços de email de clientes com interesse em receber boletins informativos sobre suas promoções de presentes para as festas de fim de ano.
Como alcançar seus objetivos

3. Gerar vendas

Fase 3: Gere vendas utilizando os Públicos Personalizados do Facebook
Em outubro, comece a gerar vendas alcançando clientes já familiarizados com a sua marca e que demonstraram interesse em seus produtos e serviços. Por exemplo, crie um Público Personalizado da sua lista de emails de boletins informativos e direcione seus anúncios para esse público com um anúncio em carrossel que mostre várias ofertas que você deseja promover como os presentes perfeitos para as festas de fim de ano.
Como alcançar seus objetivos

4. Fazer remarketing para os clientes mais valiosos

Fase 4: Faça remarketing para os clientes mais valiosos com o Público Personalizado
Em novembro, além do direcionamento para os seus segmentos de Público Básico, dê início ao remarketing para os seus clientes mais valiosos, para ajudar a obter vendas adicionais durante os meses com maior movimento de compras para festas de fim de ano. Por exemplo, crie um Público Personalizado dos visitantes do seu site; em seguida, faça o redirecionamento para esse público com anúncios exibindo produtos nos quais seus clientes possam estar interessados ou anúncios que gerem instalações do seu aplicativo móvel para estimular o envolvimento no aplicativo.
Como alcançar seus objetivos
  • Cronograma: novembro – dezembro
  • Direcionamento: Públicos Personalizados dos visitantes do seu site e de usuários do seu aplicativo móvel
  • Principais ferramentas: Públicos Personalizados do seu site, redirecionamento
  • Formatos de anúncio: carrossel, anúncios dinâmicos, imagem

Sua lista de verificação de preparação para as festas de fim de ano

Construa uma base sólida. Essas tarefas ajudarão a configurar uma experiência de usuário contínua para seus possíveis clientes e garantirão a você a base certa para um redirecionamento eficaz durante o período das festas de fim de ano.

Invista em dispositivos móveis

Crie uma experiência de compra móvel otimizada, desde o seu criativo de anúncio à sua experiência de finalização de compra.

Identifique os seus principais segmentos de público

Use as Informações do público para obter mais detalhes sobre os dados demográficos, localização, interesses, dados psicográficos e padrões de compra dos seus clientes atuais e em potencial.

Instale o pixel do Facebook e o SDK do Facebook

A implementação do pixel do Facebook e doSDK do Facebook permitirá a você medir e otimizar, bem como criar públicos para suas campanhas de anúncios.

Distribua o seu orçamento

Defina um orçamento para que suas campanhas estejam sempre ativas, fazendo também um planejamento para dias especiais de grande volume, como a Black Friday, e crie ofertas com incentivos a compras de fim de ano e prazos com envio grátis.

Comece a criar suas campanhas de reconhecimento da marca

Veicule anúncios de vídeo com o objetivo de reconhecimento da marca para ajudar a desenvolver sua marca. Crie um Público Personalizado com as pessoas que assistiram ao seu vídeo. Posteriormente, redirecione seus anúncios para esse público, exibindo suas ofertas para gerar compras.

Crie seu plano de medição

Determine quais métricas são importantes para você e decida quais metas você deseja alcançar. Além disso, use testes A/B para ajudá-lo a identificar quais criativos de anúncios têm melhores resultados.

*Gerenciamento de Mídias – Solicite seu orçamento: (19) 99894.9388 whats | http://www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

“Seu site melhorado, mais fácil de navegar, mais rápido e mais simples, faz com que seus clientes convertam mais e mais rápido. Pense nisso!”

compras-pela-internet

Usabilidade do Site! Você consegue navegar bem em todos os sites que acessa?

Alguns são bem complicados, né? Outros demoram para carregar imagens e o acesso via mobile é super complicado.

Mas, e o seu site? Como é a negação dos usuários que acessam o seu site?

Muitas vezes é difícil conciliar design e navegabilidade.

Muito embora todos nós queiramos um site lindo, o mais importante de tudo é que os internautas consigam navegar bem no nosso site para que eles convertam e virem clientes.

Esse é o objetivo final para a maioria dos sites!

Análise de Usabilidade ou UX (user experience) é super importante nos dias de hoje:

  1.  Porque a navegabilidade é uma métrica cada vez mais importante para o Google rankear bem o seu site
  2. Porque um site complicado tem alto índice de desistência, ou seja, os internautas saem do seu site sem converterem – sem concluir uma compra, sem se cadastrarem para receber seu conteúdo, sem enviar um form de contato, entre outros objetivos
  3. Os internautas podem ter uma impressão errada da sua marca apenas acessando o seu site

Entendendo esses três pontos, é importante pararmos e refletirmos sobre como está o nosso site. Você muitas vezes pode ter insights do que precisa ser melhorado, ou até mesmo o seu programador. No entanto é ideal saber o que internautas comuns acham do seu site.

Fazer pesquisa é ideal para entender como as pessoas estão enxergando a sua marca, quais são os pontos que estão atrapalhando a conversão e quais são os pontos que devem ser ressaltados.

Além de escutar o internauta, através de pesquisas qualitativas, entender como está seus concorrentes, como é a percepção do internauta quando ele acessa o seu site e o site do seu concorrente.

Análise de Usabilidade é muito relevante para quem quer otimizar conversões, pois as vezes o problema é muito mais simples de ser solucionado do que nós poderíamos imaginar!

Ficou interessado?
Converse conosco para saber como você poderá ter esse feedback super relevante para conseguir aplicar melhorias que trarão melhores resultados para sua empresa.

 

B 2 B Social Media® | Vinhedo | Valinhos | Itatiba | Campinas & Região Metropolitana | Louveira | Jundiaí | São Paulo  & Litoral 

Conheça mais os nossos serviços: (19) 99894.9388 ou Whatsapp |www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br

Check Your Calls – Rastreamento de Ligações Telefônicas

como-empresa-pode-usar-rede-social-snapchat-noticias

Você já ficou curioso para saber onde os clientes potenciais encontraram o telefone da sua empresa?

Essa é uma dúvida compartilhada praticamente por todo setor de venda e todo empreendedor.

Após gastar uma enorme quantidade de dinheiro divulgando o telefone da sua empresa no site, nas redes sociais, panfletos e catálogos, você recebe algumas ligações. Mas como saber quais dessas mídias trouxeram retorno e quais delas trouxeram apenas despesas?

O serviço Check Your Calls da B 2 B Social Media® é capaz de responder essa pergunta. Nossos sistema de rastreamento de chamadas identifica quantas ligações estão vindo de cada veículo de divulgação.

Algumas das fontes mais comuns rastreadas são:

  • Site
  • Redes Sociais
  • Panfletos
  • Catálogos
  • Revistas (online e off-line)
  • Jornais (online e off-line)
  • Anúncios de tv

A tecnologia do de rastreamento de ligações da B 2 B Social Media®, Check Your Calls, possibilita ainda descobrir qual fonte online levou o prospect ao seu site antes de ele ligar. Ou seja, se o usuário entrar no facebook, clicar no link do seu site, e depois efetuar a ligação, nós conseguimos identificar que ele soube da sua marca pelo facebook.

Além da valiosa identificação sobre qual publicação gerou a ligação, o Check Your Calls também proporciona informações como:

  • Cidade de proveniência da ligação,
  • Duração da ligação,
  • Operadora,
  • Horário da chamada.

Como funciona o Check Your Calls?

Primeiramente, um “número de rastreamento” é associado a cada uma das fontes que você quer analisar.

Por exemplo, vamos supor que você queira analisar o retorno de ligações de três fontes diferentes: AdWords, uma Campanha na TV e de seus Cartões de visita.

Neste caso implementa-se 3 números de rastreamento diferentes: 1 para Adwords, 1 para a TV e 1 para os Cartões de visita.

Não precisa se preocupar, porque todas as ligações poderão ser direcionadas para o  mesmo “número de destino”, sem a necessidade de ter 3 números diferenciados na empresa  disponíveis para cada fonte.

De acordo com os dados específicos de cada número de rastreamento, conseguimos lhe dizer o volume de ligações de cada meio de divulgação, além de outros dados como duração e horário da chamada.

Não perca nenhuma ligação

O serviço de rastreamento envia e-mails periodicamente relatando quais números ligaram e não obtiveram resposta, para que você possa retornar a ligação assim que possível.

Receba relatórios em seu e-mail

Nossa plataforma gera relatórios com todas as informações importantes e interessantes, e envia ao seu e-mail conforme a periodicidade que você escolher. Conheça alguns gráficos:

calltracking_01

 

calltracking_02

 

calltracking_03

Número dinâmico no seu site

Com a tecnologia da B 2 B Social Media®, é possível que visitantes do seu site que vieram de origens diferentes – ex: entraram no seu site através do facebook, ou do google, ou do adwords – vejam números diferentes em seu site. Ou seja, se alguém entrar no seu site vindo do facebook, o site mostrará o Número de Rastreamento 1, se vier do google orgânico, mostrará o Número de Rastreamento 2, se vier do Adwords, mostrará o Número de Rastreamento 3. É isso que possibilita que você identifique a verdadeira fonte em que o prospect soube sobre a sua marca.

Gostaria de ter mais detalhes sobre muitas outras oportunidades de análise que esta ferramenta inovadora trouxe para o mercado brasileiro? Entre em contato conosco!

 

*Gerenciamento de Mídias – Solicite seu orçamento: (19) 99894.9388 whats | www.b2bsm.com.br | denys@b2bsm.com.br